sexta-feira, 3 de novembro de 2017

Como ganhei um Iphone e uma Go Pro.


 O assunto do post de hoje será sobre sorteios e concursos culturais. Pra você que vive vendo a galera participando, compartilhando, te marcando nas redes e você só deixa passar, essa é a chance pra ficar esperto e começar a participar também!
Pra quem não sabe:

 Concurso cultural: 
 Quando é realizado uma espécie de competição onde a pessoa tem que demonstrar algo criativo (frase,texto,vídeo,foto) quanto ao tema e seguir as regras necessárias. No final, tem uma comissão que vai julgar o competidor mais criativo e esse levará o prêmio. Concurso cultural NÃO é sorteio. É muito diferente, e pra mim, sorteios são muito mais difíceis de ganhar.

 Sorteios: 
 É quando você tem que seguir algumas regras e se inscrever pra ter seu número da sorte e torcer pra ser escolhido pelo programa que faz o sorteio. Você ser bonito, escrever bem, ler, não ler, não te dá pontuação melhor ou pior pra ganhar um sorteio.


 Bem, aos meus 12 ou 13 anos eu ganhei meu primeiro concurso cultural. Era da revista Recreio (nem sei mais se eles fazem esse tipo de concursos) e então ganhei um par de ingressos pra um filme, uma blusinha e uma bolsinha de lápis. Fiquei super feliz, pensa só, ganhar coisa de graça na internet em 2010 mais ou menos. Isso só me incentivou a continuar, e desde então sempre participo de vários concursos e também sorteios.
 Ganhei um concurso da Atrevida um tempo depois, com algumas sandálias. Depois ganhei da Capricho alguns CD's. Então participei de um concurso pra ser superatrê 2011 da revista, e consegui ficar por 1 ano postando coisinhas na revista. De sorteio, só ganhei um kit de maquiagem, aquelas paletas com 180 cores do instagram.
 O prêmio mais valioso (em questão de preço) que já ganhei foi um combo de Iphone 6 com uma Go Pro Hero. Foi um concurso cultural da Rádio Jovem Pan de 2015 e eu inocentemente fiz uma frase na hora e acabaram me escolhendo. No dia da divulgação do resultado eu tava empolgada, queria muito ganhar (sinceridade né mores quem não quer?!) e então tava tomando banho e ouvindo a panzinha quando anunciam minha frase e meu nominho. Por sorte só minha irmã tava em casa que eu saí feito louca pelada correndo e gritando (ganheeeeeeeei). Pura sensação de winner.
 Assim que ganhei, a pan postou no insta deles a seguinte fotinha:

quarta-feira, 1 de novembro de 2017

Bullet Journal: Capa mensal de Novembro



 O assunto de hoje é o mais lindo do mundo! Pra quem ainda não conhece o Bullet Journal ou BUJO, é um tipo de agenda handmade onde você pega um caderninho qualquer (de preferência sem linhas) e você tem a liberdade de configurar sua agenda do jeito que você quiser. Pode por cores, desenhos, colagens, adesivo, plantinhas, pintura, deixar em branco, o que quiser. A ideia principal é: usar a criatividade pra criar seu próprio caderninho.


Geralmente, as pessoas configuram como se fosse uma agenda mesmo, dividindo o bloquinho em páginas semanais ou diárias e até mensais, depende. Tem BUJO com configuração só mensal, outros só diário e outros só semanal. Depende da sua rotina e do que você gosta de anotar, eu por exemplo gosto muito das separações diárias, mas como em uma página ocupa muito tempo, deixo os dias dispostos ao longo da página. 
 As inspirações pra detalhes no BUJO são várias, no instagram dá pra conseguir muitas e, claro, no pinterest também, uma boa dica de pesquisa é "hand lettering", onde dá pra você aprender letras divertidas pra colocar no seu caderninho, o importante é deixar ele com a sua cara.